Um fórum voltado para o universo de Naruto.
 
InícioCalendárioFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se

Regra de treinamento alterada, confira aqui !!

Atualização de bônus de clã e K.G, confira aqui!
Evento do cristal aqui !!

Compartilhe | 
 

 [Ficha] Nakamura Shimizu

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Shimizu

avatar

Mensagens : 37
Data de inscrição : 07/02/2015

MensagemAssunto: [Ficha] Nakamura Shimizu   Sab Fev 07, 2015 9:14 pm

Nakamura Shimizu

Clã: Nenhum
Kekkei Genkai: Mangekyogan
Idade: 12
Vila Natal: Iwagakure
Vila Atual: Konohagakure
Tipo Sanguíneo: AB+
Sexo: Feminino
Peso: 47
Altura: 1,52
Características Psicológicas: Sua personalidade se baseou nos contatos que tinha. Suas ações sempre são refletidas diversas vezes antes de qualquer decisão ser tomada. Embora o raciocínio rápido e a inteligência sejam marcas fortes para alguém em um corpo tão inofensivo e uma mente tão perturbada, Sayuri não tem quase nenhuma inclinação tanto para bondade quanto maldade. Mas após ter sido libertada, anda em busca de algum propósito que possa seguir, fora a vingança.
Tem gosto por companhia, especialmente seres sábios e inteligentes, e uma aversão a ladrões e usurpadores. É desastrada por natureza, e isso se torna  meio que um método um tanto quanto diferente para se aproximar das pessoas. É completamente inexperiente em situações sociais, por causa da vida isolada na ordem, e é extremamente influenciável por aqueles que ela julga aptos de sua companhia. 
Características Físicas: Suas feições remetem uma jovem dama inocente e pura, um contraste extremamente marcante com sua forma de agir e pensar. Sayuri é uma garota de gostos exóticos e um tanto quanto bizarros, digamos que tanto ela quanto seu precioso par de olhos  castanhos e avermelhados (rosa) são considerados um enigma humano/ocular.
Dona de seios proporcionais, pele clara e pouco bronzeada e de um quadril de dar inveja a qualquer garota de sua idade, seus cabelos são um tanto curtos, duma coloração rosada e natural.
Vestimentas:  Sayuri costuma vestir-se de forma simples, veste-se com uma camiseta creme e uma espécie de "uniforme escolar". Por cima disso tudo, a jovem se coloca a trajar uma jaqueta de cor rosa para cobrir grande parte do corpo, mas de um jeito que não a prejudica movimentar-se. Sapatilhas ninjas e a respectiva bandana de sua vila atual acoplada a cintura são traços que visíveis, assim como as ataduras amarradas em suas mãos, seu ilustre - e apenas para ganhar aparência de intelectual - óculos e e um anel em um de seus dedos da direita, cujo somente tira na hipótese de uso de absolutamente todo o seu poder em momento trágico.
Breve História: "Eu acredito no destino e que as escolhas que fazemos podem mudar o mesmo, mas nem sempre as coisas saem como planejamos, às vezes o destino possui algo a nos dizer, um plano para nós, e por mais doloroso ou escuro que seja o caminho, nada é por acaso... Certas coisas acontecem porque têm que acontecer."
Meu passado? Não é importante, não para os outros, fui uma criança comum como qualquer outra, tive bons pais, bons amigos, bons e também maus momentos e até mesmo depois da grande surpresa de descobrir que era descendente d'uma família cujo todos eram sacerdotisas, as mulheres da família que além disso herdavam algo precioso, para mim nada mudou, minha vida sempre foi sem graça, vazia, sentia bem no fundo que faltava algo que nem mesmo as habilidades "ninjas" herdadas por meu pai poderia trazer para mim, isso até meus oito anos de idade...
A cena se desenrola em câmera lenta, uma menina gritando por socorro, choro, tristeza, desespero... Morte. Aquela foi uma noite terrível e fria, como despertar dentro de um pesadelo e não poder sair dele, ver a pequena Nana daquele jeito me deixou completamente desolada, não sabia o que fazer, mas sabia que tinha que cuidar dela a partir daquele instante.
Nana mal conseguia falar devido o choque da situação, estava agachada no gramado em frente a sua casa chorando sem controle, uma pequena porção de Iwagakurianos se amontoara em volta dela, e alguns olhavam com medo para a casa, de entrar e ver o que havia acontecido, visto que minha irmã mais velha, Mitsue, não tinha dito uma palavra até o momento em que eu cheguei lá, muito menos saído para fora. Ela havia saído de nossa casa quando posse a se casar, não tendo em mente seguir o ramo shinobi que a família tanto se preocupava, logo depois, veio o sumiço de nossos pais em prol de uma missão, não tive alternativa a não ser morar sozinha, o melhor dizendo com meu avo, que vinha com o tempo me treinando na arte de nosso doujutsu, o formidável Mangekyogan.
Quando entrei foi que percebi a gravidade da situação, lá estava minha irmã, deitada no chão sob uma poça de sangue, e mais a frente, perto da porta, estava o marido dela de bruços, estirado no chão de madeira antiga da casa. Me aproximei dele primeiro e o empurrei com o pé para vira-lo para cima e vi que já estava morto, uma espada havia atravessado-lhe, foi quando minha irmã deu um gemido baixo e fraco, mas que consegui ouvir e fui correndo até ela. Estava gravemente ferida e já havia perdido muito sangue, não havia o que eu pudesse fazer infelizmente, já era tarde demais para ela, mas antes de morrer, Mitsue me deixou uma ultima mensagem, um pedido feito do fundo de seu coração. " Por favor... Cuide... Da Nana... Por mim...". Guardo até hoje suas palavras, e claro, não pude deixar de concordar, fizeste da pequena minha irmã mais nova, assim como era de sua mãe.
Mas o destino não favorece nem mesmo aqueles que são bons, é impiedoso. Alguns anos depois do incidente, continuei com minha rotina, claro sem comprometer a vida da pobre Nana, não queria preocupa-la com meus problemas, afinal ela ainda era muito pequena para saber de tais coisas, mas um dia eu sabia que isso iria chegar até ela, de uma forma não muito boa caso eu não tomasse uma atitude bem rápida. A situação para mim começava a ficar cada vez mais apertada, meu avo morreria nessa transição de anos e eu não podia colocar a vida da pequena em risco, eu havia prometido isso a minha irmã, mesmo que para isso eu tivesse que a abandonar. Ou melhor, a salvar...
Konohagakure em meio a ditadura, em tal época, ordenou que uma colheito fosse feita, nela, todas as crianças de até 10 anos que fossem encontradas seriam abdicadas de suas famílias como prova de fidelidade a vila. Estas seriam embarcadas a uma vila vizinha, para que? Eu não sabia...
“Querida Naninha, sei que é meio repentino isso, mas tive que ir embora por motivos alheios a minha vontade, mas sei que agora com 6 anos você já consegue se virar sem mim, por favor, tente não ficar brava comigo, pois o que eu estou fazendo é pelo seu próprio bem, te amo muito, como se fosse minha filha. E lembre-se de uma coisa, certas coisas acontecem porque têm que acontecer, não se deixe desanimar pelas circunstâncias e não baixe a cabeça nunca, você é uma menina forte e inteligente, tenho certeza que se dará bem sem mim a partir de agora."
Uma carta fora deixada a mesa juntamente a espada de nossa casa, eu a identificaria por aquilo, havia pedido para que está se escondesse dentro dum baú, e não saísse dali enquanto não voltasse.
Depois que pega e surrada por brutamontes, em algumas horas mais tarde fui embarcada num navio mercante para um lugar desconhecido, Konohagakure no sato. Assim como eu, haviam dezenas de outras crianças ali, jogadas pelo porão da embarcação, em estado igual ou pior ao que me encontrava. Naquele momento eu não importava se eu iria sobreviver a mais uma noite ou não, tudo que eu queria era que aquela dor e sofrimento acabassem de vez. Em meio a sujeira e caixas de madeira e me deitei e perdi completamente a consciência, vindo a acordar somente no dia seguinte a tarde por um imediato do navio. Havíamos atracado em algum lugar. Que seja, havia perdido tudo, meu lar, minha família, amigos, dinheiro... Tudo. Só o que me restara foram lembranças da minha vida passada, lembranças felizes de uma época em que eu realmente soube o que era a alegria verdadeira, ou nunca soube?
Quando fui retirada pude me ver em uma gaiola, estávamos sendo tratados como animais selvagens, trancafiados. Iriamos ser vendidos aqueles que se interessassem por nós, droga, achei que seriamos escravizados e que nunca mais seria incomodada de novo. Bem, dependendo de quem me comprasse eu poderia viver como uma camponesa, teria uma vida comum e chata até os meus ultimas dias de vida, me absteria de todo e qualquer luxo, em memoria àqueles a quem eu havia perdido. Porém foi totalmente ao contrário, fora comprada por um homem totalmente misterioso, e logo que solta este me abandonaria a frente duma academia shinobi, isso existia? Pensei que só eram ensinadas por gerações de famílias, mas, as coisas realmente evoluíam...
Mas dois anos mais tarde, o destino me pregou uma nova peça, ouvi boatos de que a organização que antes matara não somente meus pais como também minha irmã havia embarcado da vila da névoa, e pior, haviam indícios que minha família havia sido exterminada. Isso só poderia significar uma coisa, Nana estava morta! Após ter recebido essas noticias, procurei a me empenhar na academia shinobi ao máximo que pude, tirar sempre as maiores notas e quando estivesse pronta, os procuraria, exterminaria-os e por fim, terminaria com todo aquele sofrimento de vez.
E agora, só retira seu anel ganho pelo pai adotivo quando realmente resolve dispersar todo o seu poder.
Informações Shinobi
Graduação: Estudante
Aptidão: Ninjutsu
Aptidão elemental: Suiton

Habilidades
[40 pontos para distribuir]

Sorte:
Precisão:
Percepção:
Força:
Agilidade: 5
Inteligência: 15
Resistência:
Destemor:
Destreza:
F.vontade:
Ninjutsu:
Taijutsu:
Genjutsu:
M.chakra: 20
M.stamina:
V.selos:

Status
Estudante: 100
Gennin: 150
Chunnin: 200
Jounnin: 250

Rank's Especiais: +50 nos status
Organizações: +30 nos status
Observações: Não esqueçam, ganho 40 pontos em chakra graças a minha kg <3
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Matsumoto

avatar

Mensagens : 136
Data de inscrição : 05/02/2015
Idade : 21
Localização : Minha Casa!

MensagemAssunto: Re: [Ficha] Nakamura Shimizu   Sab Fev 07, 2015 9:20 pm

@Att http://r24.imgfast.n
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
 
[Ficha] Nakamura Shimizu
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» [Ficha] Saegusa Shimizu
» [Ficha] - Sora D. Pierre
» Ficha - Lord Lucario
» ~ Como Atualizar sua Ficha ~
» [Ficha] Ryujin

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Saikai Forever :: Geral :: Cartório Ninja :: Fichas aceitas-
Ir para: